quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Post Completamente Desnecessário!!!

Abuso de confiança é chato, mas quando não se estabelece uma fronteira entre a nossa privacidade e o convívio com estranhos não se pode esperar outra coisa, brincar faz parte, mas baixar a fasquia de propósito e de forma a ultrapassar uma limitação imposta é errado, sei que já o mencionei anteriormente, mas por vezes era bem bom que pudesse-mos retroceder e reeditar o que foi dito, mas é assim que funciona, e de um momento para outro perdem-se as ligações estabelecidas entre amigos, eu bem que me esforço, mas criar novos laços não é assim tão fácil para mim, sou daquelas pessoas que enfia logo o punho fechado dentro do prato de sopa do outro, é logo parvoíce certa, lol. Nunca vos aconteceu? Que vomitassem todo o conteúdo do estômago para cima da outra pessoa durante a tal primeira impressão, enfim, lá me vou aperfeiçoando com o tempo, good for me!, a ver se me deixo dessas tretas, o problema é que depois deixo de escrever no blog, uhmmm… vida real, blog… vida real, blog… ding! ding! ding! = vida real!!! lol, devagarito mas lá se vai andando.

(Ambrósio! Apetece-me escrever algo!)

6 comentários:

Patrícia disse...

antes assim que já s sabe com o q s conta.

Sayuri disse...

o que é que se passou?...

Canto Definido disse...

Sayuri: Sempre que me diziam "tens de viver a vida!" ignorava-os a todos (foi a minha fase entre os 23-28), cada uma dessas listas dos "já" está a dar cabo de mim... (sei que algumas são inventadas) mas blargggg... e continuo todo entrevado...

É também a falta de jeito para lidar com as pessoas, de vez em quando excedo-me em comentários, e em vez de corrigir o erro, calo-me... merda!!!!

Sayuri disse...

Tens bom remedio: começa a corrigir o erro. um bocadinho de auto censura quando te diriges a quem nao conheces, é bom...

cada um tem um ritmo diferente de viver a vida, e com certeza já fizeste coisas interessantes. é um bom exercicio de analise. experimenta!

XS disse...

Delimita melhor os limites! :)

Julieta disse...

Ui, ui... isto acontece-me tão frequentemente.... rsrsrs... impulsividade/honestidade paga-se caro... e como as palavras escritas não são "ouvidas", perde-se a entoação...