sábado, 16 de maio de 2009

dupl-cl

Adjectivo despejado pelos "outros", descrição concisa, corriqueira até meter nojo: simpático!

Alimentas-te por entre escombros, deitaste tudo a perder, conseguiste o desvincular dos méritos atribuídos àquilo que partilhámos, escorracei-te, afastei-te deste meu abraço sentido, forcei-te para que cedesses o teu lugar no púlpito, quero que outro "qualquer" o ocupe, esqueceste-te que o ultimo fôlego continua apenas ao meu alcance, e digo-te mais…não deves, não tentes encobrir os erros que cometeste através das tuas frases feitas, dessas emoções rebuscadas que projectas, adulteradas conforme as respostas que te vou dando enquanto omites a tua verdadeira essência, estarás apenas a recriar outro cenário impraticável, rejeitarei as tuas novas abordagens e pronuncias de desconsideração que anteriormente me aplicavas, verteste todas as tuas regras pretendidas e ideais de uma só vez, ajudaste-me a cortar as amarras que tanto insistiam em permanecer, obrigado...

3 comentários:

Anónimo disse...

...personaliza as tuas simpatias, despersonaliza as tuas antipatias...

Canto Definido disse...

É uma das regras que costumo empregar, limita um pouco a conversação pois nem todos são o que aparentam ser...

Sanxeri disse...

Simpatico é mau? És um homem estranho...