quarta-feira, 20 de maio de 2009

[sparrow]

[ Era uma vez um pardal cansado da vida. Um dia, resolveu sair voando pelo mundo em busca de aventura. Voou, voou, até chegar a uma região extremamente fria. E como o frio era intenso suas asas foram ficando congeladas até não poder mais voar - e caiu na neve. Uma vaca, vendo o pobre pardal naquela situação, resolveu ajudá-lo e, para aquecê-lo, cagou-lhe em cima. O pardal, ao sentir-se aquecido e confortável, começou a cantar. Um gato ouviu o seu canto, foi até lá, retirou-o da merda, brincou com ele e o comeu. ]
  1. Nem sempre aquele que caga em cima de você é seu inimigo
  2. Nem sempre quem tira você da merda e lhe sorri é seu amigo
  3. Desde que você se sinta quente e confortável, mesmo que esteja na merda, mantenha o bico calado.
( retirado do site http://www.fabulasecontos.com.br, [ + ] )

5 comentários:

Astrid disse...

Pois, é o caso de dizermos que não vamos bem como queremos nem mal como pensam... ;
Beijos, flores e estrelas*****

Canto Definido disse...

"We could be pets, we could be food, but all we really are is livestock"(hallucinatory compounds)

Mag disse...

Já tinha lido isto algures e já na altura achei cheio de razão! :)
(gostei do novo look do blog!)

Canto Definido disse...

(qual novo look?)

Teresa Queiroz disse...

e é bem verdade .... enm sempre os actos são puros