sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Sem Arredondamento

Entrega emocional, faço-o apenas quando me sinto na presença de alguém que esteja disposto a aceitar toda uma explosão que se segue, e neste momento tenho esse alguém na minha vida...

Abundância de realismo deprimente, a escrita de fuga é um alucinogénio excelente mas eu não gosto de inibidores, se o que sai parece confuso é porque é mesmo, ainda existirá decifrar definitivo para este obscuro distorcido? ...

Não existem encaixes perfeitos, por vezes são necessários rebites, pregos e o aprumar de arestas, algumas pessoas andam munidas de ferramentas de todos os tipos para esse efeito...

5 comentários:

DANTE disse...

A entrega do IRS é lxada pois...
Também me sinto assim. ;D

Um abraço

Sanxeri disse...

Encaixes perfeitos são milagres que não existem nos dias de hoje. As entregas emocionais precisam de muitas limadelas, de muito esforço e suor. :)

Fadinha da Sombra disse...

"(..)algumas pessoas andam munidas de ferramentas de todos os tipos para esse efeito..."

Ainda bem ;)

Beijitos :)

Sayuri disse...

Eu não acredito igualmente em encaixes perfeitos: há sempre ajustes a fazer. E não há necessidade do tal decifrar definitivo para este obscuro distorcido, porque o obscuro distorcido várias vezes se distorce em pontinhos de luz :D

Mag disse...

E não são os rebites, pregos e aprumar que constroem as mais belas peças de madeira?
Continua a deixar os inibidores de lado, essa tua escrita é ímpar e caracteriza-te tal como és!