segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Budapeste

"Para esquecer aquelas palavras ditas à Vanda, talvez fosse melhor necessário esquecer a própria língua em que foram ditas, talvez fosse possível substituir na cabeça uma língua por outra, durante algum tempo minha cabeça seria assim como uma casa em obras, com palavras novas subindo por um ouvido e o entulho descendo pelo outro."

1 comentário:

Di disse...

Gosto sempre tanto dos teus vídeos!!